Cuidados ao projetar a casa de praia

O planejamento da casa de praia, como todo o projeto, depende da região. Lembrando que o Brasil é um País com dimensões continentais – no sul e sudeste o período de chuvas é consideravelmente maior do que no nordeste – algumas necessidades para o bom funcionamento da casa podem variar.

A situação geográfica mais atraente para uma casa no litoral é a chamada “pé na areia”, tendo praia como extensão da propriedade. Realmente um conforto e luxo ímpares. Mas o que muitos não têm noção é da incessante necessidade de manutenção que um imóvel com essas características demanda. Sendo que a escolha dos materiais acentua ou minimiza essa tarefa.

A ação da maresia é um dos fatores mais determinantes para escolha de revestimentos. Se algum item tiver de ser metálico, o mais indicado é usar o aço inox, ao invés do ferro e até do alumínio, que também pode ser corroído.

Associada a altas temperaturas e umidade, a maresia estraga praticamente qualquer material que não receba cuidados. Limpeza, arejamento e proteção com impermeabilizantes ou resinas no que seja cabível são algumas formas de prolongar a vida útil de revestimentos e mobiliários.

O projeto de arquitetura deve contribuir para que a casa seja agradável frente ao calor ou a umidade externos. Pé direito alto com aberturas que permitam a ventilação cruzada promovem a renovação do ar, propiciando frescor. Venezianas, por exemplo, também ajudam a regular a intensidade da entrada de luz e calor.

Principalmente no sul e no sudeste, levantar o piso da casa em relação ao solo evita a passagem da umidade excessiva e mantém a área de permeabilidade do terreno. Na região nordeste, o período de chuvas é bem reduzido e a preocupação fica mais focada na ventilação do imóvel.

Avalie o movimento do sol e do mar para posicionar e dimensionar as aberturas – janelas e portas-balcão. Lembre que a integração da paisagem é item obrigatório. Então. seja generoso nas dimensões.

Outra providência interessante é colocar telas nas janelas e em todas as aberturas existentes para evitar a entrada de insetos e outros bichos. Quanto mais próxima da natureza for a casa, maior será a convivência com seus habitantes.

Escolha pisos que sejam fáceis de conviver com a areia e a água. Mantenha a pintura da casa em dia. Verifique periodicamente o madeiramento do telhado, telhas e lajes. Os itens estruturais quando danificados requerem investimento maior para serem substituídos.

Fonte: Delas iG

Anúncios

Sobre SeuLarAqui

O novo portal de imóveis, decoração, reforma e serviços do setor imobiliário. Entre, o lar é seu também! www.seularaqui.com.br
Esse post foi publicado em Decoração. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s